Skip to content
março 13, 2011 / Sâmia

O Bolo de Cenoura que não deu certo

Amo bolo! Sempre gostei de acordar e tomar uma caneca de café com leite bem quente, acompanhada de uma generosa fatia de bolo… Porém, nunca soube prepará-los corretamente e esta dificuldade virou trauma, pois acabei não tentando mais aprender a maneira certa de fazer um bolo macio e fofinho.

Ao criar o devaneios à francesa, retomei a vontade de aprender a preparar bolos e me empolguei ainda mais ao ver o sucesso do Bolo de Chocolate que consegui fazer.

O próximo passo foi reviver uma das minhas paixões de criança e preparar um bolo de cenoura. A partir daí, começou a busca por receitas que me agradassem – acabei escolhendo duas por ser impossível definir a melhor! Resolvi fazer a receita da massa do Lamington de Cenoura da Chocolatria e a da cobertura trufada da Panelaterapia. Olha se era possível resistir às babáveis fotos dos bolos da Simone e da Tatiana, respectivamente:

Comecei separando, organizadamente, os ingredientes para a massa: 3 cenouras grandes, 2 xíc. farinha, 1 ½ xíc. açúcar, 1 xíc. azeite, 3 ovos e 1 colher de sopa fermento.

Depois, vem a melhor parte… Bater tudo no liquidificador! Menos a farinha e o fermento que são adicionados,delicadamente, à massa após bem misturada no liquidificador.

Pronto! A massa segue para o forno pré-aquecido (180º) em uma forma retangular de 20×30 cm por mais ou menos 40 minutos.

Aí começou meu martírio… Não conheço como meu forno trabalha e nem seus truques, mas ele me sabota! Fui acompanhando o crescimento do bolo, mas este não ganhava altura… Passaram-se 35 minutos e enfiei o palitinho para testar o cozimento da massa e o palito veio quase seco. Achei que mais uns 8-10 minutos seriam suficientes, mas muito me enganei! Tirei o bolo do forno, cortei um pedaço e vi que estava cru… Assim, o coloquei de volta para assar e isto se repetiu mais 2 vezes! Eu já tinha decidido não fazer os lamingtons exatamente fiéis à receita e deixei o bolo esfriando normalmente…

A cobertura foi rápida e fácil. Misturei uma caixinha de creme de leite (200 ml) a 230 g de chocolate ao leite e uma colherinha de rum. Fiz um pouco a mais do que indicado na receita da Tatiana e acabou sobrando um monte!

Depois de fria, a cobertura trufada banhou o bolo de cenoura e o aspecto ficou lindo! Mas admito que a consistência do bolo não agradou… Mesmo depois de uma hora no forno, o bolo ainda parecia cru e pesado.

As opiniões foram unânimes quanto à consistência estranha da massa, mas tive tanto apoio que farei o meu sonhado bolo de cenoura novamente. Em breve, vou mostrar o resultado aqui. Espero que desta vez seja mais satisfatório!

5 Comentários

Deixe um comentário
  1. Isadora Torresini / mar 15 2011 12:53 pm

    Aaaah! Eu gostei do bolo! Mas sou meio suspeita né?! Nunca acho tuas comidas ruins! ehuehuehueh

  2. Fabiana Pinfildi / mar 15 2011 3:08 pm

    Oi Sâmia, tudo bem?
    Estou visitando o seu blog pela primeira vez e ri muito quando li seu post! Eu também era uma negação pra bolos (ou talvez ainda seja), até que entrei nesse desafio de tentar acertar ao menos um bolo na vida e assim não parei mais. Agora toda semana temos bolo em casa, mas eu prefiro os simples, aqueles com jeito de casa de vó, sabe?
    Adorei seu blog, me identifico com a forma como você escreve. Também gosto de “conversar” com os meus leitores.
    Beijos,
    Fabi

    • Sâmia / mar 15 2011 3:23 pm

      Oi Fabi!!

      Que legal te ver por aqui, pois adoro teu blog! Tô sempre passando por lá…

      Realmente, não tenho muito jeito com bolos, mas agora minha teimosia tomou conta e só paro quando fizer “o bolo” tão sonhado.

      Vou pegar uma receitinha do Figos & Funghis para ver se tenho mais sucesso! Te aviso.

      Obrigada por passar aqui e deixar este recadinho tão fofo!

      Bjs,
      Sâmia

  3. Marcia de Carvalho Lopes / jun 1 2013 1:16 am

    penso que pelo que parece na foto você bateu o fermento junto??
    caso isso tenha ocorrido aconselho NUNCA bater fermento, eu coloco na bacia a consistência dos ovos, com o óleo, a cenoura, o açúcar, depois já na bacia ou tigela, coloco aos poucos o trigo, mexo para misturar tudo bem, depois coloco o fermento e mexo suavemente, Vichiii o trem cresce e muito.Faça assim, pra ver! depois me conta,
    email : artmarcialopes@hotmail.com
    face – Márcia de Carvalho Lopes
    minhas dicas no face: Dicas de Marcinha
    seja bem vinda!

    • Sâmia / jan 15 2014 2:42 pm

      Oi Márcia!

      Que legal sua dica. Pode ser que eu tenha errado nisso mesmo:/

      Vou tentar fazer de novo e depois, se der certo, te conto!

      Super obrigada!!

      Bjos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: